Investidor foge e coloca em risco 2º mandato de Bolsonaro

Em cerimônia discreta, Roberto Campos toma posse como presidente ...

Fuga de capital

Os capitalistas internacionais, em meio à pandemia da Covic, querem, agora, exercitar governança interna sobre o dinheiro que colocam no Brasil. Afinal, não estão confiando na governança do presidente Bolsonaro/Guedes. Isso ficou claro na reunião do dia 22, conforme depoimento do presidente do Banco Central, Campos Neto. Não acreditam os homens do capital na possibilidade de ter retorno sobre o que jogam aqui dentro. Dizem, como destaca Neto, que o dinheiro é canalizado para prefeituras e governos estaduais, onde vira fumaça. Não se tem, portanto, segurança quanto às afirmações do ministro Paulo Guedes de que poderá levantar, fácil, fácil, cerca de 500 bilhões de dólares para tocar infraestrutura nacional e, assim, garantir, como disse ele, a reeleição do presidente Bolsonaro. Se depender desse dinheiro para garantir segundo mandato, será difícil. O jeito vai ser ou não dar mais crédito a ala nacionalista que defende a proposta do general Braga, com o Plano Pró Brasil?

 

INVESTIDOR FOGE DE PAULO GUEDES OU DO GENERAL BRAGA NETO? A gente vai entendendo, didaticamente, que Paulo Guedes é,…

Posted by Cesar Fonseca on Wednesday, May 27, 2020