Contradição: neoliberalismo bolsonarista valoriza dólar e irrita Trump

Resultado de imagem para trump e bolsonaro

Império ataca

Jogo imperialista altamente contraditório; tio Sam impõe políticas neoliberais, que, no entanto, aprofundam crises de realização de lucro dos investidores, ao intensificarem desigualdade social; o capital tem pavor de incêndio social que a desigualdade produz; por isso, os investimentos são adiados; a fuga de capital produzida pela desigualdade desvaloriza moeda nacional e, em contrapartida, valoriza o dólar; ora, o dólar caro compra mercadorias baratas nas províncias periféricas; os que produzem, no capitalismo cêntrico, o que a periferia produz, ficam sem poder competitivo; aí, tio Sam entra com suas políticas protecionistas, para proteger empregos no império; tal política tende a se aprofundar, na base da guerra comercial, como a que se desenrola entre China e Estados Unidos, quanto mais se aproximam disputas eleitorais; em 2020, Trump deseja reeleger-se; age, protecionisticamente, para garantir votos; na periferia, por sua vez, o governo subserviente aos interesses americanos fica com pés e mãos amarrados; sem poder exportar suas matérias primas para o império, acumula déficit comercial e em contas correntes do balanço de pagamento, que, no limite, produz crise cambial; é o eterno ciclo da dependência.

 

NEOLIBERALISMO APROFUNDA DESIGUALDADE SOCIAL QUE VALORIZA DÓLAR E IRRITA IMPERADOR TRUMPO império põe o galho dentro,…

Posted by Cesar Fonseca on Monday, December 2, 2019

 

Quem trabalha é que tem razão!